Momento de mercado edição 2020


Recorde de ativos, nova modalidade de transferência no Brasil e alta de moedas estrangeiras, 2020 foi um ano histórico

 

Fizemos uma edição especial do Momento de Mercado, com uma breve retrospectiva que envolve o mercado financeiro ao longo desse ano, que passou voando.

 

Recorde Bitcoin

O ano de 2020 pode ser considerado o ano do Bitcoin. O ativo bateu seu recorde histórico, chegando recentemente em US$ 19.892. Durante o ano todo, o Bitcoin esteve em alta, alcançando uma valorização de cerca de 170%.

 

Ouro atinge máxima histórica

Durante os meses de julho e agosto, o ouro bateu seu recorde de valorização, onde uma onça de ouro alcançou US$ 2.052. Seu recorde anterior foi registrado em 2011.

 

Dólar em alta 

Esse foi de fato o ano dos recordes. Em relação ao Real, o Dólar comercial chegou a ser vendido a R$ 5,90. A moeda chegou a um aumento acumulado de 40% no ano.

 

Circuit breakers

O circuit breaker, que é um mecanismo utilizado para assegurar a volatilidade na bolsa de valores quando a Ibovespa apresentou queda de 10% ou mais, foi acionado ao menos 6x durante o ano. 

 

PIX

O PIX é o novo meio de transferência do Brasil e teve seu lançamento oficial em novembro. Com o PIX é possível realizar transferências em questão de segundos e até mesmo em finais de semana de forma gratuita. Em sua primeira semana, movimentou mais de R$ 65 milhões.

 

Auxílio emergencial

O Governo Federal desembolsou mais de R$ 197 milhões aos que solicitaram o auxílio emergencial. O auxílio é um benefício concedido a pessoas de baixa renda que enfrentam a crise da pandemia do COVID-19.

 

Desemprego e recessão 

O período de isolamento social trouxe consequências em vários setores. A taxa de desemprego chegou a 14,4%, maior taxa desde 2012. Já a economia brasileira encolheu cerca de 9,7%.